Buscar
  • Vereador Marco Barbosa

Marco quer explicações sobre longa paralisação de obra da Escola Deolinda


O vereador Marco Barbosa esteve no terreno que deveria estar abrigando o novo prédio da Escola Municipal de Ensino Fundamental Deolinda Caetano Goulart. Localizado entre as ruas Xavantes e Tupi, Bairro Princesa Isabel, o local era o antigo Campo Municipal I. Agora está abandonado e é mais uma prova da má gestão dos recursos públicos em Cachoeirinha.

Com previsão de ter 12 salas de aula, quadra de esportes e até uma pista atlética para atender atletas no município, a obra tinha valor previsto de R$ 2 milhões. Deste total, R$ 424.002,72 foram gastos em obras de fundação e cercamento com tapumes que já não existem mais. “É literalmente dinheiro enterrado”, destaca Marco Barbosa.

O vereador Marco Barbosa tem frequentemente feito cobranças quanto à esta obra. A última resposta do Executivo sobre esta pauta, entretanto, data de 11 de abril de 2018. No documento que responde questionamentos do vereador enviados no ofício 07/2018, a Prefeitura afirma que os valores pagos até o momento são referentes a 200 micro estacas (R$ 408.554,67) em trabalho feito pela empreiteira que venceu a primeira licitação. Ainda segundo a resposta do Executivo, a obra parou por motivos financeiros e após longo prazo a empresa decidiu rescindir o contrato. Uma nova licitação foi aberta em 2015, mas a empresa vencedora colocou apenas tapumes ao redor do terreno e montou um barracão, recebendo por isso R$ 15.488,05. Novamente a alegação da falta de recursos é apontada como razão pela não continuidade dos trabalhos. Os tapumes e o barracão foram retirados a pedido da Prefeitura, alegando questões de segurança.

Agora, para realizar esta importante obra, é preciso realizar um novo processo licitatório. Como não há previsão para que isso ocorra, convivemos com mais de R$ 400 mil de verbas públicas enterrados neste terreno do Bairro Princesa Isabel.

52 visualizações

© Todos os direitos reservados a Marco Barbosa